O Interacionismo Simbólico – O Símbolo como instrumento de mediação psicossocial

15.00 

Toda a reflexão tem um ponto de partida, um fio condutor e um fim onde o autor pretende chegar. Aqui, o ponto de partida é a interação social simbólica vista como a unidade psicossocial básica; o fio condutor são as premissas e as ideias centrais do Interacionismo Simbólico; e o fim é o de vir a delinear-se uma teoria de prevenção dos riscos psicossociais emergentes nas atuais Sociedades Relacionais, que vêm tornando a vida das pessoas num Inferno. Esta teoria será baseada nos símbolos como instrumento de mediação psicossocial e nos rituais como campo privilegiado de aprendizagem e de ação simbólicas. O presente ensaio, mais do que adiantar já certezas e soluções pretende, sobretudo, nesta fase, abrir portas de reflexão, muitas delas inovadoras, sobre temas e perspetivas pouco (ou nada) habituais, em especial, em Portugal.

REF: D21 Categoria: Etiquetas: , , ,
Peso 283 g
Dimensões (C x L x A) 150 × 10 × 230 mm
Autor

Peso 283 g
Dimensões (C x L x A) 150 × 10 × 230 mm
Autor

X