Customer Login

Lost password?

View your shopping cart

Loja

By Bernardino Henriques

Consuelo – O Amor Proibido

O ser humano, nesta obra, é-nos apresentado frágil, cheio de contradições, e nem o estatuto profissional o consegue enobrecer. As emoções, sejam elas de celibatários ou não, acabam sempre por influenciar o nosso comportamento, às vezes extremo, e a questão põe-se mais uma vez: onde acaba a emoção e começa a razão, ou vice-versa?

O autor não nos dá nenhuma resposta, e nem é necessário. Isso é sempre algo que permanecerá na consciência de cada um de nós, e poderá ser sempre avaliado de diferentes perspectivas. Há uma relatividade em tudo o que é profundamente humano, esse relativismo é atávico, faz parte da sua natureza e permanecerá nele, em nós, ao longo da sua existência.

António Sá Gué

10.00 

Palavra

Informação adicional

Peso 160 g
Dimensões (C x L x A) 150 x 230 x 8 mm

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Apenas clientes com sessão iniciada que compraram este produto podem deixar opinião.

Product Detail

  • ISBN : 978-989-8342-36-2
  • Idioma :
  • Encadernação : Capa Mole
  • Depósito Legal :
  • Páginas : 104
  • Tradutor :
  • Prefácio :
  • Posfácio :
  • Ilustração :
  • Desenhos :

About The Author

Author

Bernardino Henriques nasceu em Fóios, Sabugal, e é licenciado pela Pontifícia Universidade Gregoriana (Roma, Itália) e pela Universidade Católica de Lisboa, além de ter frequentado linguística alemã na Universidade de Münster (Alemanha). Trabalhou no Consulado Geral de Portugal em Osnabrück (Alemanha). Foi director de O Nosso Jornal (Lagos) e chefe de redacção do jornal Terra Quente (Mirandela). Além disso, colaborou em outros jornais como Diálogo do Emigrante (Münster, Alemanha), Mensageiro de Bragança e Voz do Nordeste (Bragança), bem como na revista internacional dos portugueses emigrantes Peregrinação. Colaborou na obra A Diáspora em Letra Viva (Cacilhas, 1998), com o poema “Des (al) armamento), e em Leiamos – contoário (Lisboa, 2006 com o conto “Uma escolha singular”) e em Trás-os-Montes e Alto Douro, Mosaico de Ciência e Cultura (Lagoaça, 2012). É autor de várias obras, tanto em prosa como em poesia, e tradutor de dezenas de títulos do francês, italiano e espanhol. Traduziu cerca de duas dezenas de títulos, do francês, espanhol e italiano. Vive em Mirandela. OBRAS Poesia Egografias (Macedo de Cavaleiros, 1985) Painéis (Mirandela, 1992) Poemas da terra (Mirandela, 2009) Prosa O Crime da Escanabada (Lisboa, 1999) Terra íntima (Fóios, 2007) Consuelo, o amor proibido (2014) Ensaio Miguel Torga (quase) na primeira pessoa (Coimbra, 2007) Doutrinal Os Desafios do Evangelho (Coimbra, 2006) No Limiar da Bíblia (Coimbra, 2012) Razões para crer (edição privada, 2013)

X