Customer Login

Lost password?

Veja o seu carrinho de compras

Junho 2018

Post thumbnail

Reflexos de Mim

Aqui, o sujeito poético deambula por entre pensamentos e vivências memorialísticas. As suas palavras, correndo livres, formam realidades únicas que, ganhando vida num grito ou num silêncio, catalisam a leitura e constroem pontes entre o material e o imaterial. Conceição Oliveira

Post thumbnail

Apenas Madrugada

«A poética de Francisco José Lopes é indelevelmente marcada pela sua biografia, pois poesia e existência são quase sinónimos para alguém que escreve poemas e reflete sobre o quotidiano, o seu passado e as suas experiências pessoais, com consciência lúcida, mas dilacerada pela espuma dos dias, visto que é intuito da poesia – através da …

Post thumbnail

Vida INcompleta

Em Vida incompleta apresentam-se poemas próximos de uma realidade que se vai construindo desde o “eu” ao “outro” e que nem sempre, como afirmou Luis Eduardo Aute, são poemas complacentes. Poesia que reflete sobre o mais profundo do ser humano, no mais terrível que é essa perda do sentido da humanidade ou comunidade que se percebe …

Post thumbnail

A Rosa de Aragão

Nesta obra o autor ao criar a personagem isabelina, deu-lhe voz, pensamentos e actos, acompanhando-a, na intimidade, desde a adolescência, em Barcelona, quando casou por procuração com Dinis, Rei de Portugal, até à sua morte em Estremoz.Segue a linha rigorosa dos eventos históricos, onde incorpora episódios de ficção, incluindo aspectos lendários, tudo no sentido de …

Post thumbnail

Revista Colégio Campos Monteiro – Espaço de Cultura e Memória – 2018

A revista é dedicada a temas culturais, histórico-patrimoniais e sociais de Torre de Moncorvo e da Região, nela participando as pessoas que entenderem dever contribuir para a disseminação do que, meritoriamente, deve ser do conhecimento público. Com esta componente, pretende-se divulgar textos de nível técnico-científico com reconhecido interesse geral, sendo exigíveis critérios de publicação de …

Post thumbnail

A Leste Nada de Novo – Memórias de Manuel Alves Azevedo na Guerra de Angola (1971-1973)

Na realidade, uma das zonas que mais problemas deu ao comando militar português em Angola durante toda a guerra foi a zona leste, exatamente onde Manuel Azevedo cumpriu o seu dever. Nas suas memórias refere a atividade operacional constante a que eram sujei­tos os militares aquartelados na região do Cazombo, bem como as constantes operações …

Post thumbnail

O Beato

A alma do Beato, Frei Julião de Chaguazoso, suspensa no éter do nada, vai percorrendo, numa leitura atenta, todas as estampas de duvidoso recorte artístico, que Frei Tadeu, seu amigo e hagiógrafo, pintou. Nessa constante interpretação das figuras representadas vai percebendo que a sua beatitude é obra humana e não divina, que a sua beatitude …

X